sexta-feira, 8 de julho de 2011

DEZ JOGOS QUE FARÃO A DIFERENÇA

Este é o tempo necessário para que o time de Julinho camargo ganhe corpo e entrosamento para abafar o sucesso daqueles que agora estão no topo. A verdade do campeonato é conhecida realmente após 25 jogos. Antes disso, é churumela de contratações, especulações, crises, queda de rendimento e outras mazelas. Bom seria não distanciar muito. Mas o próprio Grêmio de 2008 é um exemplo. Como já escrevi outras vezes, e até mesmo na minha apresentação da página principal do blog, já vi equipes formadas pelo tricolor serem campeões com jogadores nada além de médios, porém raçudos. Agora que a folia de "camisa comemorativa", "promoção de sócio" e outras desatenções acabaram (inclusive treinador lançando grife...), o futebol volta a ser a principal atividade no Olímpico. A cabeça no lugar tem que sobresair no momento em que tem a bola nos pés, pois quando a fase não é boa, qualquer passe errado é criticado. E por favor, Rocka, mais atenção!!! Se liga, a paciência tem limite. Esquece a seleção. Você é craque, assim como Douglas e Gabriel, mas o Grêmio é maior que tudo isso.

Bom fim de semana a todos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário