quarta-feira, 21 de setembro de 2011

PARA DEIXAR QUALQUER UM MALUCO

Seis jogos. Este era o prazo que eu, em minha modesta opinião, havia estabelecido para que o Grêmio se mostrasse mais do que um mero participante da competição nacional. No sexto embate, foi -se por água abaixo uma campanha que estava se apresentando respeitável, não somente para nós torcedores do tricolor como fazendo surgir burburinhos na mídia do centro do país e também nos adversários. Mas a atuação desastrosa perante a um Vasco da Gama que sabia desde o início da partida como conter o Grêmio e jogar para ganhar, nos fez entender que se ficarmos entre o sexto e o décimo lugar no campeonato já ficará de bom tamanho. Não encare como pessimismo e nem como otimismo mas como realidade. Temos alguns bons valores, mas temos contra nós também o atraso na tabela que faz com que cada turbulência que ocorra seja uma decepção passível de fazer-nos baixar a cabeça e não ver um horizonte de títulos e nem ao menos de Libertadores. Vamos continuar torcendo como se os jogos vindouros fossem apenas para diversão porque a competição, na sua essência, já ficou para trás.

Até mais.     http://www.conscienciagremista.blogspot.com/

Nenhum comentário:

Postar um comentário