segunda-feira, 5 de setembro de 2011

QUEM JOGOU, VENCEU!

A vitória esmagadora do Grêmio, ontem , no Olímpico, passa muito pela aplicação e pela vontade de vencer que os jogadores vem colocando nas partidas. Aquele time insosso, de rodadas anteriores, parece ter ficado para trás como uma febre amarela que havia deixado doente a todos que estavam no mesmo lugar e na mesma ocasião. A manutenção do esquema 4-5-1 tem dado certo porque agora podemos contar com um meio de campo mais "recheado" e assim não perdemos os rebotes. Os laterais com vocação para atacar sabendo que os volantes ficarão resguardando a defesa, é garantia de pressão na equipe adversária. Rochemback joga muito, mas a função dele não é ir ao ataque para armar jogadas. Ele tem é que proteger a defesa  e assim está fazendo. André Lima teve seu lampejo de artilheiro reaparecendo, com muita contribuição de Escudero que o deixou na cara do goleiro e Douglas (batedor oficial) que deixou que batesse o pênalti. Mérito mesmo, só no gol de fora da área. Roth está consciente de que nem tudo está perfeito, e assim é melhor. O conformismo só tem a prejudicar, pois não fomos muito exigidos na defesa, embora não tenhamos deixado o adversário jogar. Esperamos que contra o Bahia, a postura do "querer sempre mais", seja mantida.

ATÉ AMANHÃ.     http://www.conscienciagremista.blogspot.com/   

Nenhum comentário:

Postar um comentário